Não perca o E-book!

Inscreva-se para receber o E-book CCDAE grátis com 101 reflexões no Evangelho!

ENTENDENDO O QUE É A OBRA DE DEUS

Entenda o que é a obra de Deus à luz da fala de Cristo narrada em João 6:29, que diz: Jesus respondeu: “A obra de Deus é esta: crer naquele que ele enviou”.

Obra de Deus

                          Obra de Deus

Jesus respondeu: “A obra de Deus é esta: crer naquele que ele enviou”. João 6:29

Aproximadamente um dia e meio antes de Jesus proferir a fala acima, Ele havia feito o milagre da multiplicação dos pães para uma multidão de pessoas. Após o ato da multiplicação e do povo ter se saciado, Jesus precisou se retirar às pressas, junto com os seus discípulos, para um lugar afastado da multidão (um monte). O motivo pelo qual Jesus se retirou era porque, naquele instante, o povo queria proclamá-lo Rei à força (os judeus tinham a visão de um Messias que iria se tornar o Rei terreno de Israel. Esse Messias, supostamente, iria libertar os judeus das mãos do império romano). Isso seria um grande despropósito; pois, como Cristo mesmo afirmara, o reino Dele não era e não é deste mundo. O Reino Dele é um Reino eterno. Pois bem, durante a noite daquele dia, eles atravessaram o mar da Galileia rumo à cidade de Cafarnaum. Aconteceu que, um tempo depois que eles chegaram à cidade, a multidão (que estava a sua procura) o encontrou. Quando eles “deram de cara” com Jesus, alguém da multidão perguntou:

Quando o encontraram do outro lado do mar, perguntaram-lhe: “Mestre, quando chegaste aqui?” João 6:25 

O Mestre os respondeu com a resposta abaixo:

 Jesus respondeu: “A verdade é que vocês estão me procurando, não porque viram os sinais milagrosos, mas porque comeram os pães e ficaram satisfeitos.” João 6:26

É muito surpreendente e edificante perceber que o Mestre ignorou a pergunta deles e foi direto ao ponto, ou seja, direto ao bastidor do coração daquele povo — que o buscara como se Ele fosse um político prestes a ser eleito, o qual satisfaria todos os anseios sociais de Israel. Cristo, por mais duro que Ele tenha sido em suas palavras, a intenção Dele foi curar a visão daquele povo e fazê-los enxergá-lo como o Filho Deus. No versículo 27 o Senhor continua falando ao bastidor do coração daquele povo, repare:

Não trabalhem pela comida que se estraga, mas pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem lhes dará. Deus, o Pai, nele colocou o seu selo de aprovação. João 6:27

Sim, trabalhe com a força motriz que essa comida, que o pai dará, gera no interior de vocês. Em outras palavras o Senhor estava dizendo para aquele povo não colocar a sua esperança e a sua motivação nas coisas dessa terra, mas sim nas coisas eternas.  Como Jesus usou o verbo “trabalhar”, o povo logo associou isso a fazer as obras de Deus fisicamente.  Repare a pergunta do povo no próximo versículo:

Então lhe perguntaram: “O que precisamos fazer para realizar as obras que Deus requer?” João 6:27 

Quando Jesus responde a essa pergunta (versículo 28, o versículo de introdução do nosso texto), fica claro que o Mestre não estava falando da obra que Deus quer que nós façamos, mas sim da obra que Ele faz em nós. Veja a resposta do Mestre:

 “A obra de Deus é esta: crer naquele que ele enviou”. João 6:29

Sim, a obra de Deus no homem é uma só: esculpir em nós a sua Palavra de salvação eterna; formando em nós uma consciência em fé para a Vida eterna. Nenhum homem é capaz de fazer tal obra, pois ela é obra de Deus; é o Espirito de Deus que nos convence do pecado, da justiça e do juízo.

Olha que coisa linda disse Paulo em Efésios 2:8-9:

Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; Efésios 2:8

não por obras, para que ninguém se glorie. Efésios 2:9 

A fé no coração do homem não vem do homem, mas é presente de Deus, é obra de Deus em nós. Ela é gerada pelo Espírito de Deus. É dessa obra de Deus que Cristo se referia no nosso versículo introdutório, ou seja, a obra de Deus no homem. Mas alguém possa querer saber, assim como aquele povo, sobre as obras que devemos fazer. Bem, creio que Cristo não respondeu a pergunta exata daquele povo porque aquele povo estava com uma atitude mental errada: eles queriam fazer as obras de Deus motivados pela justiça própria do legalismo religioso; e, como sabemos, as obras por si só não possuem o poder de salvar ninguém. Eles estavam querendo fazer obras sem serem tomados da consciência da Graça e do Amor de Deus. Desse modo, eles fariam obras do lado de fora, e seriam ocos e sem significado do lado de dentro. Tornar-se-iam hipócritas; e, se continuassem com tal modus operandi, se tornariam até mesmo sínicos. Todas as vezes que as nossas ações do lado de fora não correspondem às nossas motivações, a nossa consciência nos acusa — nos dando o inconfundível sinal de que algo em nosso ser está em desarmonia. Paulo responde qual é a obra de Deus que devemos praticar; aliás, as obras de Deus. Isso é narrado no versículo subsequente ao versículo nove (9), o qual já apresentei acima; confira:

Pois foi Deus quem nos fez o que somos agora; em nossa união com Cristo Jesus, ele nos criou para que fizéssemos as boas obras que ele já havia preparado para nós. Efésios 2:10

Em nossa união com Cristo, Ele fez e faz essa obra divina de regeneração a fim de que as boas obras (que já estavam no coração de Deus para nós fazermos) sejam uma extensão do nosso novo Ser em Cristo. Sim, elas são o reflexo dos frutos do Espírito em nós. Esses estão mencionados em Gálatas 5:22-23:

O amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade, a mansidão, o domínio próprio.” Gálatas 5:22-23 

Certo! Mas que boas obras são essas mencionadas por Paulo? Bem, não existe mistério nisso. Quem ler o novo testamento logo perceberá que as boas obras se resumem em fazer o bem ao próximo. Então, assim como o bom samaritano, dê lugar a essa consciência em fé na Graça e na compaixão de Deus enquanto você trilha essa existência, para que você seja um ser humano pronto para responder com boas obras as demandas que Deus coloca em seu caminho. Por último, existe uma obra de Deus bastante óbvia para nós que cremos: a obra da Criação!

Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez.  João 1:3

Que Deus continue e complete a boa obra Dele em mim e em você até o dia de Cristo Jesus.

E estou plenamente convicto de que aquele que iniciou boa obra em vós, há de concluí-la até o Dia de Cristo Jesus. Filipenses 1:6

Gostou da mensagem sobre o que é a obra de Deus? Possui mais alguma dúvida sobre o assunto? Então se inscreva para receber novas mensagens diretamente no seu e-mail pessoal, e comente através do campo abaixo.

Recomendação de texto: MAS, AFINAL DE CONTAS, DEVEMOS OU NÃO DEVEMOS CONGREGAR?

Comente por meio de seu Facebook

Avatar

Bruno Monsores é Escritor, Evangelista e Idealizador do site de ensino do Evangelho Crendo como diz a Escritura (CCDAE), pelo qual ensina e anuncia o Evangelho da Graça de Deus.

Gostou da mensagem?

Inscreva-se para receber novas mensagens diretamente em seu e-mail!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

um + 10 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 Comentários

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.