Não perca o E-book!

Inscreva-se para receber o E-book CCDAE grátis com 101 reflexões no Evangelho!

O antes e depois de Cristo em nossas vidas

Assim como, historicamente, há o antes e o depois de Cristo e assim como em nível temporal também há o antes e o depois de Cristo (dispensação da Lei x dispensação da Graça), também há o antes e o depois de Cristo em nossas próprias vidas. #CrendoComoDizAEscritura

O ANTES E O DEPOIS DE CRISTO EM NOSSAS VIDAS

Assim como, historicamente, há o antes e depois de Cristo e assim como em nível temporal também há o antes e depois de Cristo (dispensação da Lei x dispensação da Graça), também há o antes e depois de Cristo em nossas vidas.

Antes de Cristo, por mais que fôssemos aculturados, politicamente corretos, morais e conformados aos padrões sociais, legais e religiosos, de nada valia para o nosso espírito; pois tudo isso não passa de adestramentos humano-sociais-religiosos – não mudava e nem pacificava o nosso ser.

Antes de Cristo, por mais que nos esforçávamos, tudo era um peso e dificultoso. Isso se devia ao sentimento de culpa que nós carregávamos e a falta de sintonia que nosso ”crer” tinha perante a Verdade dos céus e de sua dinâmica de Graça e Amor. Note que eu não estou falando aqui de doenças químico-cerebrais, desajustes hormonais e de traumas psicológicos; essas coisas realmente nos pesam, porém até mesmo elas são amenizadas e ganham novos contornos depois de Cristo, às vezes até mesmo desaparecendo completamente. Também não estou falando aqui da nossa luta pela sobrevivência e por bens materiais, isso realmente é um peso em nossa vida, o livro do Eclesiastes diz isto. Mas, de qualquer forma, depois que o entendimento do Evangelho vai entrando em nós, esse peso vai nos deixando, de forma que  trabalhamos, mas não lutamos preocupados e sôfregos por nossa sobrevivência. O que eu Estou falando é de algo que todos nós, antes de Deus nos revelar Cristo e sua Graça, estávamos submetidos:

“Vocês estavam mortos em suas transgressões e pecados, nos quais costumavam viver, quando seguiam o curso deste mundo e o príncipe do poder do ar, o espírito que agora está atuando nos que vivem na desobediência. Anteriormente, todos nós também vivíamos entre eles, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo os seus desejos e pensamentos. Como os outros, éramos por natureza merecedores da ira. Todavia, Deus, que é rico em misericórdia, pelo grande amor com que nos amou,deu-nos vida com Cristo, quando ainda estávamos mortos em transgressões — pela graça vocês são salvos. Deus nos ressuscitou com Cristo e com ele nos fez assentar nas regiões celestiais em Cristo Jesus, para mostrar, nas eras que hão de vir, a incomparável riqueza de sua graça, demonstrada em sua bondade para conosco em Cristo Jesus. Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.”

Efésios 2:1-9

Agora, depois de Cristo em nossas vidas, depois que fomos atraídos e constrangidos pela Graça de Deus em Jesus, um novo processo se instaurou em nossa vida. Temos uma nova disposição mental e um novo olhar perante o mundo e a existência, não somos mais escravos das nossas vaidades, de nossos apetites, da nossa implacabilidade, de nosso egocentrismo, do nosso próprio ventre, das loucuras de nossos instintos , das vãs filosofias e das vãs teorias. Ainda habitamos um corpo de morte (o velho homem), todavia não somos mais dominados por ele, não pendemos mais para a carne, agora pendemos para o espírito. Cristo nos limpou e nos libertou pela Palavra do Evangelho, nos trazendo de volta a lucidez e a autonomia do nosso viver para sempre.

Sugestão de texto para sua próxima leitura: Sal da terra e luz do mundo: o que isso significa?

Comente por meio de seu Facebook

Avatar

Bruno Monsores é Escritor, Evangelista e Idealizador do site de ensino do Evangelho Crendo como diz a Escritura (CCDAE), pelo qual ensina e anuncia o Evangelho da Graça de Deus.

Gostou da mensagem?

Inscreva-se para receber novas mensagens diretamente em seu e-mail!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.